eis-senao-quando_04-05-2015_o-sitio eis-senao-quando_04-05-2015_o-sitio

EIS SENÃO QUANDO

eis-senao-quando_04-05-2015_o-sitio
Data
De 04/05/15 até 14/05/15
Onde
O Sítio
Mais detalhes

DEIXE SEU COMENTÁRIO...

SOBRE A Exposição

A expressão “Eis senão quando”, também nome desta exposição, equivale a “de repente, mas quando menos se esperava”: é uma exposição imprevisível, súbita, um jogo de saber que se dá num espaço-tempo determinado e, ao mesmo tempo, interminável.
Este espaço-tempo se refere a 10 dias de imersão no Sítio, um tempo destinado para que artistas possam desenvolver suas pesquisas visuais, ou produzir obras a partir de suas experiências de convívio com o público e com o espaço.
Esta exposição foi motivada pelas práticas desenvolvidas por artistas e movimentos a partir da primeira guerra mundial, que passaram a acreditar que o conhecimento em arte deve ser aplicado a algum setor da vida cotidiana e coletiva. Momento em que houve uma inversão do valor da “obra de arte”, um valor que mudou seu estatuto e que está agora mais relacionado ao lugar e ao tempo, desertando muitas vezes o próprio objeto.
Estes “valores” são ainda hoje discutíveis e muitas vezes incompreendidos.
Por isso convidamos o público a vivenciar os processos de criação junto aos artistas. A entender suas estruturas de pensamento e de elaborações plásticas, a acompanhar suas intenções e interagir com seus universos de criação, bem como das formas como cada artista apreende a realidade e as linguagem que surgem como consequência desta construção de mundos.
Nesta exposição os conceitos de “ocupação”, “residência”, “ateliê aberto”, “arte processual” e “laboratório de criação” foram absorvidos como práticas artísticas menos ligadas a condescendência no cotidiano absurdo, práticas estas que são intermináveis e imprevisíveis.